Queijos e Vinhos

 
Os franceses foram os primeiros à apreciarem essa fantástica combinação entre queijos e vinhos. "Para vender vinho, sirva queijo" era o ditado das vinículas francesas.
O inverno está bem próximo, com isso vem a queda de temperatura, e na mesa dos apreciadores, um bom vinho será indispensável. Uma excelente pedida para essa ocasião, é o QUEIJO.
Perfeitos quando combinados corretamente ou um desastre gastronômico quando não, saiba mais abaixo qual é o tipo de vinho certo, para cada queijo.

Brie: Tintos Marcantes (Cabernet Sauvignon) ou brancos secos (Frascati)
Camembert: Brancos secos (Semillon Blanc) e tintos leves (Cabernet Franc)
Edam: Brancos frutados (Riesling e Saint-Emillion) ou tintos frutados (Beaujolais)
Gorgonzola: Tintos marcantes (Cabernet Sauvignon)
Gorgonzola Gold: Tintos encorpados (Merlot e Pinot Noir)
Gouda: Tintos leves (Cabernet Franc) para queijos jovens. Tintos encorpados (Merlot e Pinot Noir) para queijos maduros
Gruyère: Brancos secos (Riesling, Sauvignon Blanc), tintos leves (Cabernet Franc)
Itálico: Brancos demi-sec (Sauvignon Blanc) ou tintos secos (Valpolicella)
Morbier: Tintos marcantes (Cabernet Sauvignon)
Provolone: Tintos encorpados (Merlot Noir)

Fonte:


















guiadopaladar.com.br

© Copyright 2013 • Guia do Paladar - Guia de Restaurantes, Churrascarias e Points do Rio de Janeiro.

Menu Destaques

Menu Artigos

Menu Agenda Gastronômica

Menu Dicas do Chefe

Menu Reportagens do Guia